acidente de transito modelo

1 similar search for acidente de transito modelo
  • Receive alerts:
  • by e-mail
    Your information will be added to a database with the sole purpose of serving your subscription. This database is the exclusive property of vLex Networks S.L. and will never be shared with any other company. By sending your request you accept the Data Protection Policy of vLex Networks S.L.
  • via RSS

More than 10.000 documents for acidente de transito modelo
  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. DANOS MATERIAIS. COLISÃO. CONVERSÃO À ESQUERDA EM AVENIDA. PREPONDERÂNCIA DAS PROVAS. 1. Responsabilidade civil subjetiva: em se tratando de demanda indenizatória decorrente de acidente de trânsito, aplica-se o modelo de constatação dos fatos da preponderância das provas, devendo a ação ser julgada em favor da parte que produz as melhores provas a amparar sua versão. 2. Conversão à esquerda em avenida: ao empreender manobra de conversão à esquerda, em momento inadequado, a camioneta interceptou a trajetória da motocicleta, a qual trafegava na mesma via, em sentido contrário (art. 38, parágrafo único, do CTB). Inexistindo elementos a indicar a culpa concorrente do motociclista, não merece ser reformada a sentença que atribui...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. DANOS MATERIAIS. COLISÃO. CONVERSÃO À ESQUERDA EM AVENIDA. PREPONDERÂNCIA DAS PROVAS. 1. Responsabilidade civil subjetiva: em se tratando de demanda indenizatória decorrente de acidente de trânsito, aplica-se o modelo de constatação dos fatos da preponderância das provas, devendo a ação ser julgada em favor da parte que produz as melhores provas a amparar sua versão. 2. Conversão à esquerda em avenida: ao empreender manobra de conversão à esquerda, em momento inadequado, a camioneta interceptou a trajetória da motocicleta, a qual trafegava na mesma via, em sentido contrário (art. 38, parágrafo único, do CTB). Inexistindo elementos a indicar a culpa concorrente do motociclista, não merece ser reformada a sentença que atribui...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. DANOS MATERIAIS. COLISÃO. CONVERSÃO À ESQUERDA EM AVENIDA. PREPONDERÂNCIA DAS PROVAS. 1. Responsabilidade civil subjetiva: em se tratando de demanda indenizatória decorrente de acidente de trânsito, aplica-se o modelo de constatação dos fatos da preponderância das provas, devendo a ação ser julgada em favor da parte que produz as melhores provas a amparar sua versão. 2. Conversão à esquerda em avenida: ao empreender manobra de conversão à esquerda, em momento inadequado, a camioneta interceptou a trajetória da motocicleta, a qual trafegava na mesma via, em sentido contrário (art. 38, parágrafo único, do CTB). Inexistindo elementos a indicar a culpa concorrente do motociclista, não merece ser reformada a sentença que atribui...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. DANOS MATERIAIS E MORAIS. COLISÃO. CONVERSÃO À ESQUERDA EM AVENIDA. PREPONDERÂNCIA DAS PROVAS. QUANTIFICAÇÃO DOS DANOS. 1. Responsabilidade civil subjetiva: em se tratando de demanda indenizatória decorrente de acidente de trânsito, aplica-se o modelo de constatação dos fatos da preponderância das provas, devendo a ação ser julgada em favor da parte que produz as melhores provas a amparar sua versão. 2. Conversão à esquerda em avenida: ao empreender manobra de conversão à esquerda, em momento inadequado, a camioneta interceptou a trajetória da motocicleta, a qual trafegava na mesma via, em sentido contrário (art. 38, parágrafo único, do CTB). Inexistindo elementos a indicar a culpa concorrente do motociclista, não merece se...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. DANOS MATERIAIS E MORAIS. COLISÃO. CONVERSÃO À ESQUERDA EM AVENIDA. PREPONDERÂNCIA DAS PROVAS. QUANTIFICAÇÃO DOS DANOS. 1. Responsabilidade civil subjetiva: em se tratando de demanda indenizatória decorrente de acidente de trânsito, aplica-se o modelo de constatação dos fatos da preponderância das provas, devendo a ação ser julgada em favor da parte que produz as melhores provas a amparar sua versão. 2. Conversão à esquerda em avenida: ao empreender manobra de conversão à esquerda, em momento inadequado, a camioneta interceptou a trajetória da motocicleta, a qual trafegava na mesma via, em sentido contrário (art. 38, parágrafo único, do CTB). Inexistindo elementos a indicar a culpa concorrente do motociclista, não merece se...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. DANOS MATERIAIS E MORAIS. COLISÃO. CONVERSÃO À ESQUERDA EM AVENIDA. PREPONDERÂNCIA DAS PROVAS. QUANTIFICAÇÃO DOS DANOS. 1. Responsabilidade civil subjetiva: em se tratando de demanda indenizatória decorrente de acidente de trânsito, aplica-se o modelo de constatação dos fatos da preponderância das provas, devendo a ação ser julgada em favor da parte que produz as melhores provas a amparar sua versão. 2. Conversão à esquerda em avenida: ao empreender manobra de conversão à esquerda, em momento inadequado, a camioneta interceptou a trajetória da motocicleta, a qual trafegava na mesma via, em sentido contrário (art. 38, parágrafo único, do CTB). Inexistindo elementos a indicar a culpa concorrente do motociclista, não merece se...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. PRETENSÃO RESSARCITÓRIA E INDENIZATÓRIA. INESCLARECIBILIDADE QUANTO AO EVENTO. Cuida-se de demanda que versa sobre responsabilidade subjetiva, decorrente de acidente de trânsito, em que o modelo probatório de constatação fática deve ser o da preponderância de provas. Nesse contexto, cabe à parte demandante a demonstração do fato constitutivo do seu direito (art. 333, I, do CPC). Inesclarecibilidade quanto ao evento lesivo (quem invadiu a pista contrária), o que impede a caracterização da culpabilidade e, por conseguinte, a implementação da responsabilidade civil. APELO IMPROVIDO. (Apelação Cível Nº 70035626522, Décima Segunda Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Judith dos Santos Mottecy, Julgado em 12/08/2010)...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. AUSÊNCIA DE PROVA A RESPEITO DO FATO CONSTITUTIVO. Cuida-se de demanda que versa sobre responsabilidade subjetiva, decorrente de acidente de trânsito, em que o modelo probatório de constatação fática deve ser o da preponderância de provas. Nesse contexto, cabe à parte demandante a demonstração do fato constitutivo do seu direito (art. 333, I, do CPC). Prova oral incapaz de confirmar que o demandado, e não o demandante, desrespeitou a sinalização contida no semáforo. A inesclarecibilidade quanto à causa do evento lesivo impede a implementação da responsabilidade civil. RECURSO IMPROVIDO. (Apelação Cível Nº 70038393989, Décima Segunda Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Judith dos Santos Mottecy, Julgado em 16/1...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. PRETENSÃO INDENIZATÓRIA. INESCLARECIBILIDADE QUANTO AO EVENTO. Cuida-se de demanda que versa sobre responsabilidade subjetiva, decorrente de acidente de trânsito, em que o modelo probatório de constatação fática deve ser o da preponderância de provas. Nesse contexto, cabe à parte demandante a demonstração do fato constitutivo do seu direito (art. 333, I, do CPC). Inesclarecibilidade quanto ao evento lesivo (quem invadiu a pista contrária), o que impede a caracterização da culpabilidade e, por conseguinte, a implementação da responsabilidade civil. APELO IMPROVIDO. (Apelação Cível Nº 70038609434, Décima Segunda Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Judith dos Santos Mottecy, Julgado em 16/12/2010)...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. PRETENSÃO INDENIZATÓRIA. ESCASSA PRODUÇÃO PROBATÓRIA ACERCA DO EVENTO LESIVO. Cuida-se de demanda que versa sobre responsabilidade subjetiva, decorrente de acidente de trânsito, em que o modelo probatório de constatação fática deve ser o da preponderância de provas. Nesse contexto, cabe à parte demandante, ônus do qual não se desincumbiu, a demonstração do fato constitutivo do seu direito (art. 333, I, do CPC). Prova testemunhal que indica desatenção e imprudência do demandante na condução da motocicleta. APELO IMPROVIDO. (Apelação Cível Nº 70038287173, Décima Segunda Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Judith dos Santos Mottecy, Julgado em 16/12/2010)

ver las páginas en versión mobile | web

ver las páginas en versión mobile | web

© Copyright 2014, vLex. All Rights Reserved.

Contents in vLex Brazil

Explore vLex

For Professionals

For Partners

Company