itau credicard

5 similar searches for itau credicard
  • Receive alerts:
  • by e-mail
    Your information will be added to a database with the sole purpose of serving your subscription. This database is the exclusive property of vLex Networks S.L. and will never be shared with any other company. By sending your request you accept the Data Protection Policy of vLex Networks S.L.
  • via RSS

682 documents for itau credicard
  • Negócio inclui ainda financeira com 96 lojas e carteira de empréstimos de R$ 7,3 bilhões Ronaldo D'Ercole ronaldod@sp.

  • DECISÃO MONOCRÁTICA. APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL. VALIDADE DAS CITAÇÕES. LEGITIMAÇÃO PASSIVA AD CAUSAM. DESCUMPRIMENTO DE ORDEM JUDICIAL. INSCRIÇÃO EM CADASTRO DE INADIMPLENTES. DANO MORAL. QUANTUM REDUZIDO. VALIDADE DA CITAÇÃO NO PROCESSO DE ORIGEM. Validade da citação realizada no processo de origem, porque a empresa Credicard S/A foi regularmente citada. Ademais, tal questão se trata de matéria preclusa, uma vez que a parte ré teve a oportunidade de se manifestar contrariamente à citação ocorrida, contudo nada fez a respeito no momento oportuno, de modo que agora em razões recursais é extemporânea a sua inconformidade. VALIDADE DA CITAÇÃO DO BANCO ITAÚ CARTÕES S/A. Matéria preclusa, porque já foi objeto de julgamento em agravo de instrumento. LEGITIMIDADE PASSIVA DO BANCO ...

  • As condições para transferir 1.200 funcionários da Credicard, além da rede de cem lojas da sua financeira, ainda são negociadas. A transação será fechada nos próximos dias.

  • AGRAVO INTERNO (ART. 557, § 1º, DO CPC). RESPONSABILIDADE CIVIL. VALIDADE DAS CITAÇÕES. LEGITIMAÇÃO PASSIVA AD CAUSAM. DESCUMPRIMENTO DE ORDEM JUDICIAL. INSCRIÇÃO EM CADASTRO DE INADIMPLENTES. DANO MORAL. QUANTUM REDUZIDO. VALIDADE DA CITAÇÃO NO PROCESSO DE ORIGEM. Validade da citação realizada no processo de origem, porque a empresa Credicard S/A foi regularmente citada. Ademais, tal questão se trata de matéria preclusa, uma vez que a parte ré teve a oportunidade de se manifestar contrariamente à citação ocorrida, contudo nada fez a respeito no momento oportuno, de modo que agora em razões recursais é extemporânea a sua inconformidade. VALIDADE DA CITAÇÃO DO BANCO ITAÚ CARTÕES S/A. Matéria preclusa, porque já foi objeto de julgamento em agravo de instrumento. LEGITIMIDADE PASSIVA DO BA...

  • AGRAVO INTERNO (ART. 557, § 1º, DO CPC). RESPONSABILIDADE CIVIL. VALIDADE DAS CITAÇÕES. LEGITIMAÇÃO PASSIVA AD CAUSAM. DESCUMPRIMENTO DE ORDEM JUDICIAL. INSCRIÇÃO EM CADASTRO DE INADIMPLENTES. DANO MORAL. QUANTUM REDUZIDO. VALIDADE DA CITAÇÃO NO PROCESSO DE ORIGEM. Validade da citação realizada no processo de origem, porque a empresa Credicard S/A foi regularmente citada. Ademais, tal questão se trata de matéria preclusa, uma vez que a parte ré teve a oportunidade de se manifestar contrariamente à citação ocorrida, contudo nada fez a respeito no momento oportuno, de modo que agora em razões recursais é extemporânea a sua inconformidade. VALIDADE DA CITAÇÃO DO BANCO ITAÚ CARTÕES S/A. Matéria preclusa, porque já foi objeto de julgamento em agravo de instrumento. LEGITIMIDADE PASSIVA DO BA...

  • Inconformados com a r. sentença de fls. 579/582, que julgou a ação trabalhista procedente em parte, complementada pela r. decisão de embargos de fls. 623/624, cujo relatório adoto, recorrem ordinariamente: ITAÚ SEGUROS S.A.(fls. 617/664), pugnando pela reforma do julgado nos seguintes pontos: Ilegitimidade de Parte; Responsabilidade Subsidiária; Comissões Por Fora; Adicional de Periculosidade e Honorários Periciais; e Equiparação Salarial. BANCO CITICARD S.A.(fls. 668/674), pugnando pela reforma do julgado quanto aos seguintes tópicos: Ilegitimidade de Parte; Responsabilidade Subsidiária; Comissões Por Fora; Adicional de Periculosidade e Honorários Periciais. REGINA DOS SANTOS MELO(fls. 678/698), pugnando pela reforma do julgado quanto aos seguintes tópicos: Negativa de Prestação Jurisdici...

    ... trabalhava com os seguintes produtos: Credicard cartão de crédito e Itaú seguro.. que suas ...

  • APELAÇÃO CÍVEL. RESPONSABILIDADE CIVIL. AÇÃO DE INDENIZAÇÃO. DANOS MORAIS. REPETIÇÃO DE INDÉBITO. REMESSA DE CARTÃO DE CRÉDITO SEM ANUÊNCIA DO CONSUMIDOR. DEVER DE INDENIZAR. DA ILEGITIMIDADE PASSIVA DO RÉU BANCO ITAÚ DE CARTÕES S.A. Banco Itaú Cartões S.A. e a Credicard Banco S/A, pertencem ao mesmo grupo econômico, sendo parte passiva legítima para a causa. Preliminar rejeitada. DA ILEGITIMIDADE ATIVA DA AUTORA. Os cartões de crédito n° 5390 2900 3235 3173 e 5274 9600 1773 8413 foram enviados em nome da autora, não prosperando a prefacial de ilegitimidade invocada nas razões de apelação. DANO MORAL. CONFIGURAÇÃO. Evidenciada a ilicitude do ato praticado pelos réus, que passaram a enviar cartões de crédito aos autores sem o consentimento destes e independentemente de qualquer...

  • "No dia 27 de setembro de 2005, por [...], o denunciado J, em concurso com mais um elemento não identificado, subtraiu, para si, mediante grave ameaça, com emprego de arma de fogo, contra D M, um automóvel marca Mercedes Benz, modelo A-160, contendo em seu interior a bolsa da vítima com carteira de identidade, carteira de habilitação, carteira de radialista, cartão da UNIMED, cartão Itaú/Credicard, Cartão de crédito do Banco Citibank, cartão da conta corrente do Banco Citibank ag. Carlos Gomes, cartão e um talão de cheques da Caixa Econômica Federal, ag. Shopping Center iguatemi, cartão da loja C&A, crachá da empresa da Rede Pampa, agenda eletrônica, duas agendas profissionais. No interior do veículo também encontravam-se o licenciamento CLV 2005, um aparelho celular marca Motorola, preto,...

  • DANOS MATERIAIS E MORAIS. PROPOSTA REALIZADA PELO BANCO DEMANDADO. DIREITO AO RECEBIMENTO DO VALOR OFERECIDO, APÓS ATIVADO O CARTÃO DE CRÉDITO ¿CREDICAR ITAÚ¿. DANOS MORAIS AFASTADOS. Apresentando-se verossímil a alegação da autora no sentido de que recebeu proposta que consistia no recebimento de um vale-presente em valor superior ao constante da propaganda enviada à residência da autora, caso ativasse o cartão ¿Credicard Itaú¿, impõe-se a condenação da ré ao pagamento do valor oferecido. Danos morais, entretanto, afastados. Sentença reformada. RECURSO PARCIALMENTE PROVIDO. (Recurso Cível Nº 71001327287, Segunda Turma Recursal Cível, Turmas Recursais, Relator: Clovis Moacyr Mattana Ramos, Julgado em 13/06/2007)

    ... da autora, caso ativasse o cartão "Credicard Itaú", impõe-se a condenação da ré ao ...

  • AÇÃO DECLARATÓRIA DE INEXISTÊNCIA DE DÉBITO. CARTÃO DE CRÉDITO. DANO MORAL. INSCRIÇÃO EM BANCO DE DADOS. ACORDO FIRMADO. EXTINÇÃO DO FEITO. ILEGITIMIDADE PASSIVA. ILEGITIMIDADE PASSIVA BANCO CITICARD: Embora a confusão existente nas faturas de cartão de crédito já ambas demandadas lançam seus logotipos, é de ser reconhecer que o Banco Citicard S/A, atual denominação social de Credicard S/A Administradora de Cartões de Crédito, não participa da relação contratual existente entre o cartão Itaucard e os apelantes, tanto que quem administra a relação comercial com os autores é a primeira demandada. Assim não fosse as faturas de cartão de crédito não teriam como cedente o Banco Itaú S/A e, tampouco, a inscrição não teria sido providenciada por este. Outra não é a conclusão quando analisados ...

ver las páginas en versión mobile | web

ver las páginas en versión mobile | web

© Copyright 2014, vLex. All Rights Reserved.

Contents in vLex Brazil

Explore vLex

For Professionals

For Partners

Company